Que o Programa de Regionalização é uma iniciava que não deu certo, isto já é sabido. Publiquei um texto em 16 de Março de 2016 sobre isso. Ainda que há muita gente (normalmente ligada a uma Secretaria Estadual de Turismo ou autarquia a fim), que acredita nas regiões turísticas como estratégia de desenvolvimento turístico, não adianta. O resultado não veio e se veio, vai embora assim que o Estado parar de investir sua energia. Se você ainda acredita que isso é a opinião de uma só pessoa, ou como já ouvi de um só autor… então, se prepare.

Junto com a Academia Brasileira de Eventos e Turismo (ACADEMIA) finalizamos um Delphi  que foi apresentado pela minha colega a Dra Flecha em SP. A pesquisa se chama Brasil Eventos & Turismo 2030 e você pode ACESSAR OS RESULTADOS AQUI. O trabalho que durou 26 meses para ficar pronto, aponta o que um grupo de 47 Expertos, (cada um com mais de 25 anos de estrada) entende ser consenso sobre vários assuntos. Dentre eles, Política de Turismo. É claro!

veja!

O pensamento que tenho sobre o PNRT segue da mesma forma e se reforça, na medida em que o resultado no Município não aparece. O MTUR que já sinalizou uma mudança de direção com a recente categorização, avança indicando uma necessidade de cada cidade ter um COMTUR. Porém, hoje são 15 de Agosto de 2018, e vai um alerta:

“CRIAR COMTUR POR CRIAR SEM CRITÉRIO, SOMENTE PARA CUMPRIR UMA RUBRICA OU PARA ATENDER A UM CHECK-LIST, NÃO VAI DAR CERTO”

E isto já está acontecendo!!!

Estamos verificando vários casos em COMTURs por aí, através de atendimentos que fazemos via inbox.  Municípios que estão atendendo o que pede a recém criada Legislação Estadual de Turismo, onde a criação do COMTUR é condicionante para que o Município acesse verbas públicas, tem encontrado muitos problemas para manter o conselho funcionando, ou para mesmo conseguir agregar e decidir qualquer coisa.

Em suma. O processo de criação do COMTUR tem sido feito proforma, “PARA INGLÊS VER”. Veja. Isso é mais do mesmo!!! Por isso CUIDADO SECRETÁRIO (a) DE TURISMO. Se antes as pessoas culpavam Brasília, agora a conta vai direto para a Sr/Sra. MTUR, é vital olhar o que já está acontecendo para não repetir o mais do mesmo.

Dúvidas, esclarecimentos? Escreva. Curta a fanpage @politicadeturismo

Abraço e obrigado pela confiança.

Para quem não me conhece, meu nome é Eduardo Mielke. Meu trabalho é auxiliar Governos na busca por  processos cooperativos que resultem numa melhor articulação entre ele, Terceiro Setor e o Empresariado. O resultado e o que importa mesmo, é a geração de emprego e renda local. O resto é conversa fiada.

Palestras, Workshops e treinamentos? Escreva para eduardomielke@yahoo.com.br

Compre o livro do SIMTUR !!! Lá você terá todas as orientações que você precisa para fazer o seu Município decolar!!!Screen Shot 2018-06-16 at 13.54.10